Fruta madura

pin up girl

Existe um certo tipo de pessoa na sociedade merderna que se dedica a inventar nomes parvos para o que é simples. Foram os velhos que passaram a idosos. Depois já não servia, tiveram que passar a séniores. Mais tarde ou mais cedo adapta-se mais um termo qualquer estranho para suavizar a pancada bruta na tromba, para esconder a realidade de que são realmente velhos para o bom e para o mau. Estes termos mais não servem do que para camuflar a nossa incompetência para lidar com a realidade. Por falar em suavizar, já me viram aquela treta dos meios de transporte suaves? Suaves são os tomates do padre Inácio quando não tem pintelhos. Bem mas não é de suavidade que quero falar.
Parece que há para ai um tipo de bicicletas chamadas de bicicletas maduras ou pelo menos li esta expressão num sitio qualquer por essa web fora. Isto cheira-me a pornalhada do mais alto nível. Já se está mesmo a ver duas bicicletas, com esbeltos pneus cheios de silicone, com a legenda “Encontre hoje bicicletas maduras na sua zona”. Ou então uma produção porno portuguesa chamada “bicicletas maduras e sem vergonha”.
Uma bicicleta pode ser velha, antiga, clássica. Até lhe podem chamar vintage se querem parecer “cool” e intelectuais. Agora madura só a fruta e as “gajas”. Arrastem, literalmente, a bicicleta pela lama mas não ao seu nome. Estão a falar do pilar principal da sociedade como hoje a conhecemos. Respeitem-na.

Autor: rui

Partilha no

Comenta:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *